sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Raio-X do Vilhena: artilharia em dose dupla e domínio nos jogos em casa

Neste domingo o Sampaio terá pela frente o Vilhena, no primeiro jogo das oitavas de final da Série D. O clube rondoniense se classificou com a segunda posição no grupo A1, somando 15 pontos e no geral da Série D teve a sexta melhor campanha.


A boa campanha geral do Vilhena foi construída principalmente utilizando o fator campo, o que é fundamental no mata-mata da Série D, que conta com o gol qualificado. Jogando no Portal da Amazônia, o Lobo não perdeu nenhum jogo e marcou 13 gols, sofrendo apenas quatro.

Mas fora de casa, o time rondoniense não conseguiu bons resultados, conquistando apenas uma vitória e sofrendo três derrotas. Como destacado aqui neste post, o Vilhena teve a segunda melhor campanha como mandante e a segunda pior como visitante.

No critério cartões, o Lobo se mostrou cauteloso com expulsões, mas exagerado com cartões amarelos. Os rondonienses não tiveram nenhum atleta punido com cartão vermelho, mas em compensação receberam 27 amarelos nos oito jogos da fase de grupos.


Estes amarelos deixaram o zagueiro Alex suspenso para o primeiro jogo e outros cinco jogadores pendurados para a partida de volta. Diego Siqueira, Cobari, Mário, Guajará e Felipe, cada um encerrou a primeira fase com dois cartões amarelos.

O ataque vilhenense também funcionou na primeira fase. Com 17 gols marcados em oito jogos, o time tem uma média de 2,42 gols por jogo. Os artilheiros da equipe e responsáveis diretos pelo bom desempenho do time, são o meia Edilson Pereira e o atacante Cabixi, cada um com cinco gols.


Como citado, o zagueiro Alex está suspenso para o primeiro jogo das oitavas de final. Dessa forma quem poderá ganhar uma chance no time será Menegaiz ou Felipe. Com isso, o provável time do VIlhena para o primeiro jogo mata-mata será Dida; Maykon Paulista, Mário, Menegaiz (Felipe) e Guajará; Kukau, Diego Corbari, Felipe Sorbara e Diego Siqueira; Edilson Pereira e Cabixi.

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Imperatriz goleia, lidera; MAC e Sabiá empatam

A noite de quinta-feira reservou mais dois jogos pela Copa União, que agora tem novo líder. O Imperatriz reassumiu a ponta com 12 pontos, mas é seguido de perto pelo MAC, que chegou aos 11 pontos após o empate com o Sabiá.

No Frei Epifânio o Imperatriz não deu chances para o Cordino. Com três gols de Rayllan, que assumiu a artilharia da Copa União, e mais dois de Jackson e Café, o Cavalo de Aço goleou a Onça por 5 a 1, que descontou com Ulisses.

Em Caxias, o MAC não saiu do 0 a 0 com o Sabiá. Além de não ter gols, a partida não registrou nenhum cartão amarelo.

Confira a classificação da Copa União
1º Imperatriz – 12pts
2º Maranhão – 11pts
3º Moto – 10pts (5)
4º Sabiá – 10pts (0)
5º Cordino – 9pts
6º Sampaio – 6pts (0)
7º São José – 6pts (-2)

Artilharia
Rayllan (Imperatriz) - 3 gols
Naoh (Maranhão) e Carlinhos Silva (Moto) - 2 gols

Números dos classificados para as oitavas de final da Série D

No próximo sábado o jogo entre CSA e Campinense dará início à nova fase da Série, faltando apenas quatro jogos para todos os times conquistarem o acesso. Os dois melhores de cada grupo avançaram, mas em termos de classificação geral, cinco equipes tiveram rendimento inferior a times eliminados na primeira fase.

Mogi Mirim, Nacional-MG, Sousa, Mixto e Juventude foram essas equipes com o pior desempenho dentre os classificados. Cene, Atlético-AC e Horizonte, que já se despediram da Série D, fizeram campanhas melhores, mas não conseguiram as vagas em seus respectivos grupos.

Para as oitavas de final, apenas quatro times chegam invictos: Sampaio, CSA, Cianorte e Friburguense, todos líderes em seus grupos na fase classificatória. Com melhor ataque e defesa, aparece o Sampaio, que marcou 25 gols e sofreu apenas dois até aqui.

Já entre os piores, o Remo teve a defesa mais vazada dos classificados, com 16 gols sofridos. O pior ataque é dividido por Juventude, Nacional-MG e Sousa, cada um com apenas sete gols marcados.

Os artilheiros da Série D também marcaram presença nas oitavas de final. Nino Guerreiro (Crac) e Ronaldo (CSA) cada um com oito gols marcados, são os principais goleadores da competição até aqui.

Confira a classificação geral da Série D (somente até o último classificado para as oitavas)


Rendimento em casa
Dentre os classificados, com certeza um dos segredos para avançar foi fazer valer o mando de campo, o que será importante principalmente no mata-mata. Na primeira fase apenas quatro times conseguiram o aproveitamento de 100% jogando em casa. São estas equipes, o Sampaio, CSA, Vilhena e Metropolitano.

Mas, além disso, não sofrer gols em casa passa a ser importante para garantir a classificação na próxima fase. Juventude e Sampaio foram os únicos times que não sofreram gols em casa durante os jogos dos grupos. O time maranhense ainda aparece com o melhor ataque entre os mandantes, com 14 gols marcados e o VIlhena vem logo na cola, com 13 gols marcados jogando em casa.

Confira a classificação das equipes considerando apenas os jogos em casa


Rendimento fora de casa
Mas para subir, não basta saber jogar em seus domínios, como visitante é importante que os times também saibam atuar na casa dos adversários. Neste quesito, Metropolitano e Vilhena são os piores, com os catarinenses ainda sem nenhuma vitória fora de casa e os roraimenses com apenas um triunfo como visitante.

Os gols marcados fora de casa também fazem diferença, já que vale o saldo de gol qualificado no caso de dois empates iguais. O Sampaio tem o melhor ataque visitante, com 11 gols, seguido pelo Remo, com oito gols. Fora de casa, a melhor defesa é a do CSA, com apenas um gol sofrido, seguido pelo Sampaio e Cianorte, cada um com dois gols.

Entre os piores ataques visitantes estão o Metropolitano, que não marcou nenhum gol fora de casa, e o Juventude, com apenas dois gols. Nas defesas o Remo é o visitante mais vazado, com 11 gols sofridos, seguido pelo Ceilândia, que sofreu sete gols fora de casa.

Confira a classificação das equipes considerando apenas os jogos fora de casa


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Vilhena é o adversário do Sampaio nas oitavas da Série D


Na noite desta quarta-feira, a Série D conheceu os seus dois últimos classificados para as oitavas de final. O Vilhena entrou em campo já classificado, enquanto que o Atlético-AC lutou até o fim pela vaga, que ficou com o Remo.

No Mangueirão, o Leão venceu o Vilhena por 2 a 0 e além da classificação garantiu a liderança do grupo A1, com 16 pontos. Os rondonienses, com 15 pontos ficaram na vice-liderança, também classificados.

Com isso, os dois últimos confrontos definidos das oitavas de final serão entre Vilhena e Sampaio e o Mixto encarando o Remo. Os dois jogos serão realizados no próximo domingo.

No outro jogo da noite, o Atlético-AC, que ainda brigava pela vaga, venceu de virada o Penarol-AM por 3 a 2. Vale lembrar que as equipes que passarem das oitavas de final, decidirão as vagas do acesso para a Série C de 2013 nas quartas de final.

Confira os jogos das oitavas de final da Série D

Sábado – 01/09
Campinense x CSA

Domingo – 02/09
Vilhena x Sampaio
Mixto x Remo
Baraúnas x Sousa
CRAC x Nacional
Friburguense x Ceilândia
Cianorte x Juventude
Metropolitano x Mogi Mirim

Time de meia maranhense avança para a fase de grupos da Champions League

Paulo César: mais uma Champions disputada pelo Braga
O Braga garantiu a vaga na fase de grupos da Champions League ao vencer a Udinese por 5 a 4 nos pênaltis. A vaga foi confirmada após dois empates, de 1 a 1, tanto em Portugal e na Itália, e os lusos ainda contaram com a insana cavadinha de Maicossuel, que parou nas mãos do goleiro Beto.

O confronto foi um dos mais brasileiros na tradicional competição européia. Ao todo as duas equipes contam com 14 tupiniquins em seus elencos e no jogo de volta, o veterano Paulo Cesar, de 32 anos, esteve em campo pelo Braga, quando entrou nos primeiros minutos da prorrogação.

Natural de Coroatá, e revelado pelo Maranhão, Paulo César voltará a disputar uma fase de grupos da Champions League.

Campeões da Série D sem sorte na C

Se um dos segredos para conquistar o acesso na Série D é ter os artilheiros da competição, como já relatou o blogrbrito, os clubes ainda precisam encontrar uma fórmula para evitar o descenso na temporada seguinte. Isso porque dos 12 times que subiram da D para C, desde 2009, três já foram rebaixados e a temporada atual pode culminar com a queda de outras três equipes, que ascenderam da última divisão nacional. Ou seja, mais do que lutar pelo acesso, os clubes da Série D ainda precisam aprender o segredo para ao menos se manter na C.

Desde 2009, quando a Série D foi criada, 13 equipes conquistaram o acesso, em três edições. Destas, três foram rebaixadas na temporada seguinte e somente um time conseguiu subir consecutivamente da D para C e posteriormente para a B.

O primeiro campeão da Série D, em 2009, o São Raimundo-PA é uma das provas de que é necessário planejamento para evitar o efeito ping-pong, que neste caso, quando volta para a Série D, não consegue reconquistar o acesso.

Os paraenses foram rebaixados da Série C em 2010, sem vencer nenhum de seus jogos, somando apenas três pontos. No mesmo ano, o Alecrim, que também conquistou o acesso em 2009, foi um dos quatro rebaixados.

Logo, São Raimundo e Alecrim voltaram a disputar a Série D em 2011. Mas diferente de 2009, as equipes sequer conseguiram a classificação na fase de grupos e logo foram eliminadas.

A história se repetiu em 2011. O Guarany-CE, campeão da Série D de 2010, por pouco não foi rebaixado, se livrando do rebaixamento na última rodada, mas o Araguaína, que subiu junto com o Cacique do Vale, não teve a mesma sorte. Para completar, em 2012, os tocantinenses sequer passaram da primeira fase da Série D.

Entretanto, o ano de 2011, reservou o primeiro acesso consecutivo para um time que começou na Série D. O Joinvile subiu em 2010 e no ano seguinte conseguiu o acesso para a Série B, onde até o momento vem mostrando estar forte na briga pelo acesso e um dos integrantes do G4, ocupando a terceira posição.

Entretanto, o ano de 2012 está sendo pior ainda para os clubes que subiram da Série D e disputa a C. No grupo A, os três times que ocupam as três últimas posição são Cuiabá e Treze, que subiram em 2011, e o Guarany-CE, como dito subiu em 2010 e brigou contra o rebaixamento depois.

No grupo B, o Tupi, último campeão da Série D, começou a reagir, mas ainda ocupa a nona posição, na zona de rebaixamento.

Entretanto, times que subiram da Série D, também brigam por vagas nas quartas de final, que definirão os quatro clubes que irão para a Série B de 2013. No grupo A, apenas o Santa Cruz aparece como representante na briga pelo acesso, mas no grupo B, mais equilibrado, Chapecoense e Macaé estão no G4.

Ou seja, além do planejamento necessário para conquistar o acesso para a Série C, os clubes que disputam a Série D também têm que se conscientizar, que em caso de acesso será necessário um planejamento e investimento maior para evitar um eventual retorno para a última divisão nacional.

2009
Subiram da D - São Raimundo (caiu em 2010), Chapecoense, Alecrim (caiu em 2010) e Macaé
2010
Subiram da D - Guarany-CE, Madureira, Araguaína (caiu em 2011) e Joinvile (subiu para a B em 2011)
Caíram da C - Alecrim, Juventude, Gama e São Raimundo
2011
Subiram da D - Tupi, Santa Cruz, Cuiabá, Oeste e Treze*
Caíram da C – Campinense, Marília, Brasil-RS e Araguaína

*Treze subiu por causa da exclusão do Rio Branco-AC e após uma longa batalha judicial

Com punição do Bacabal, Moto reassume a liderança da Copa União

Na última terça-feira, a FMF puniu o Bacabal com a derrota de todos os seus jogos por W.O, além da multa de R$ 60mil e eliminação da Copa União, pois o clube praticamente desistiu da competição, no dia da primeira rodada, sem regularizar nenhum jogador e deixando todo o elenco, que já foi liberado, sem salários.

Com isso, todos os rivais do Bacabal, tiveram uma vitória simples acrescentada na classificação. As principais mudanças nestas primeiras rodadas é que Moto e Maranhão voltam, respectivamente, à liderança e vice, enquanto Imperatriz e Cordino, que já tinham os W.O. registrados, ficam em terceiro e quarto lugar.

No restante da classificação, não há alterações, com o Sabiá sendo mantido em quinto lugar, seguido pelo Sampaio e São José, que ainda não venceram em campo e contabilizam apenas as vitórias sobre o Bacabal.

Confira a nova classificação da Copa União



terça-feira, 28 de agosto de 2012

Os números do Sampaio na primeira fase da Série D

Com aproveitamento 100% na fase de grupos, o Sampaio liderou de ponta a ponta o grupo A2 e em nenhum momento foi ameaçado pelos rivais. Na classificação geral, a pior posição foi o quarto lugar.

Para mostrar a campanha do Sampaio na fase de grupos, seguem os números do Tricolor, com os detalhamentos da campanha até aqui na Série D.


Um dado curioso revelado pelos números é que o Tricolor não sofreu gols em casa na Série D. Os dois únicos gols sofridos foram fora de casa, contra o Mixto e Santos-AP. Vale lembrar que no mata-mata não sofrer gols em casa é meio caminho andado para garantir a classificação.

Nas maiores goleadas aplicadas, novamente o Sampaio fez valer o mando de campo. A vitória por 6 a 0 diante do Santos-AP e 4 a 0 diante do Comercial-PI foram no Nhozinho Santos. Ainda fora de casa, o time maranhense goleou o Araguaína por 4 a 0.


Nos cartões, o Tricolor mostrou que está disciplinado. Apenas uma expulsão, do meia Cleitinho, mas quando estava no banco de reservas. Nos amarelos, o Sampaio chegou à marca de 20 cartões e vai para a segunda fase com o zagueiro Carlinhos Rech e o atacante Célio Codó pendurados.


Os 25 gols marcados pelo Sampaio foram bem distribuídos. Sem nenhum jogador se destacando na artilharia, Eloir e Célio Codó são os principais marcadores do time maranhense, cada um com quatro gols. Zé Paulo, Arlindo Maracnã e Cleitinho são os vice-artilheiro do time, cada um com três gols.

CBF divulga calendário do futebol brasileiro de 2013

A CBF divulgou nesta terça-feira o calendário de competições do futebol brasileiro de 2013, além das datas FIFA e da Copa das Confederações. A pré-temporada dos clubes será realizada entre os dias 2 e 18 de janeiro, com os Estaduais previstos para terem início no dia 20 de janeiro, junto com a Copa Nordeste.

Os Estaduais serão realizados até o dia 19 de maio, com 23 datas, e a Copa Nordeste será disputada até o dia 17 de março, com 12 datas. Ainda no primeiro semestre terá início a Copa do Brasil, começando no dia 3 de abril e sendo disputada até o dia 27 de novembro, com 20 datas disponibilizadas para os jogos.

As quatro divisões do futebol brasileiro terão a tradicional largada em maio. A Série A começará no dia 26 de maio e irá até o dia 8 de dezembro, enquanto a Série B começa um dia antes e será concluída no dia 30 de novembro. As séries C e D terão início no dia 2 de junho, com a C sendo concluída no dia 24 de novembro e a D no dia 20 de outubro.

Entre as competições internacionais, a Libertadores começa no dia 23 de janeiro e irá até o dia 22 de maio, enquanto a Sul-Americana será disputada entre 14 de agosto e 11 de dezembro.

Abrindo os jogos da Copa do Mundo, 2013 será o ano da Copa das Confederações, que será disputada entre 15 e 30 de junho.

Ao longo de todo o ano de 2013, a Seleção poderá realizar 15 amistosos. As datas disponíveis são as seguintes:

Fevereiro – 2
Março – 22 e 26
Junho – 4,7 e 11
Agosto – 14
Setembro – 6, 10 e 18
Outubro – 2, 11 e 15
Novembro – 15 e 19

Sobre os amistosos, vale lembrar que a CBF já anunciou dois jogos contra Portugal, desses um poderá ser no novo Castelão, em São Luís. Além dos jogos contra os lusos, haverá dois jogos conta a Argentina e um possível contra a Inglaterra.

Sampaio, Copa União e Série D: não podia dar certo

Bastaram duas derrotas do time reserva na Copa União e o Sampaio já anunciou que deve voltar a jogar a competição somente após a Série D. Como? Somente depois da Série D? É isso mesmo, o Sampaio vai voltar a jogar a Copa União somente depois da Série D e a FMF já sinalizou que vai “apoiar” a decisão do time.

A questão aqui é a seguinte. O Sampaio sequer deveria entrar na disputa da Copa União, entrou porque quis e agora arque com a disputa. Se vai mandar reservas, sub-18, a direção e a comissão técnica decidem, mas se querem cair fora, de onde nunca deviam ter entrado, que a diretoria e a comissão técnica também tomem essa decisão.

Concordo plenamente que todo o foco do Sampaio tem que estar voltado para a disputa do acesso na Série D. Mas, agora prejudicar as equipes que disputam a Copa União e ainda ter o apoio da FMF? Isso não pode ser aceito.

Segundo o acordo Sampaio-FMF, os jogos do Tricolor só voltarão a ser jogados após a Série D, ou seja todas as partidas serão adiadas. Enfim, o ideal era o Sampaio notar que não pode ficar na Copa União, chegar e pedir para cair fora, arcando com possíveis multas, afinal, Santa Quitéria, Viana já foram punidos e o próprio Bacabal deve ser multado e ter todos os seus jogos assinalados com derrota por W.O.

Fica a lição para o Sampaio que depois de perder para Sabiá e Cordino, praticamente pede para sair da Copa União. Agora, o que não pode é a FMF aceitar e ter o aval dos clubes. Vamos aguardar os próximos capítulos dessa novela.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

E se o Vilhena desistir?

A segunda-feira começou com uma grande dúvida para Sampaio e Mixto, que aguardam a definição dos seus adversários nas oitavas de final da Série D. Isso porque a direção do Vilhena ameaça desistir da Série D, mesmo com a classificação garantida para as oitavas de final.

Apesar do aviso do presidente do clube Carlos Dalanhol, que o time irá jogar normalmente contra o Remo e abandonar a Série D, elenco e comissão técnica seguem pensando em um possível acesso. Entretanto, aí está a dúvida, e se o Vilhena desistir, o que acontecerá?

Vamos começar pelo regulamento da Série D, que não cita nada em relação à desistência de um time durante a competição. A única menção feita à desistências é sobre a montagem dos grupos, como acontece, com alguns clubes renunciando à Série D, antes do início.

Dessa forma já perguntam, o adversário do Vilhena se classificará com dois W.O. nas oitavas de final ou o terceiro colocado passará a ter direito sobre a vaga? Pergunta que somente a CBF poderá responder.

Vamos à atual situação do grupo e desconsiderando uma eventual desistência do Vilhena. Com 15 pontos, os rondonienses encaram o Remo e precisam de um empate para garantir a liderança do grupo, aliás único resultado que agrada aos dois times e classifica o Remo, em segundo. Se vencer, o Remo torcerá para o Atlético-AC não vencer o Penarol-AM e a vaga fica para os paraenses.

A única chance do Atlético-AC se classificar, até aqui, é vencendo o seu jogo e torcendo por uma derrota do Remo.

Mas agora consideremos a desistência do Vilhena e a CBF alçando o terceiro lugar para a vaga dos rondonienses. Nesta situação, as contas acima são mantidas e o Penarol-AM, com nove pontos entra na briga direta com o Atlético-AC. Uma eventual classificação dos amazonenses só é possível neste cenário e desde que vençam os acreanos, e dessa forma podem ficar com a segunda vaga do grupo.

São as possibilidades para os classificados do grupo A1. Mas por enquanto, Vilhena está dentro, junto com Remo. Atlético-AC e talvez Penarol-AM, que corram atrás de suas vagas.

domingo, 26 de agosto de 2012

Vilhena goleia e avança; Remo e Atlético-AC ainda brigam por vaga

O Vilhena foi impiedoso com o Atlético-AC e goleou os acreanos por 4 a 0 na noite deste domingo. Com o resultado, o time rondoniense garantiu uma das vagas do grupo A1 para as oitavas de final da Série D, enquanto Remo e Atlético-AC brigarão pelo segundo lugar.

O VIlhena chegou aos 15 pontos e depende de um empate diante do Remo para garanti a vaga como líder do grupo. Com 13 pontos, o Remo tem que vencer os rondonienses, para não depender do resultado do Atlético-AC.

Os acreanos, com 10 pontos, se vencerem o Penarol-AM, dependerá do saldo de gols para avançar às oitavas de final da Série D. Vale lembrar que o segundo colocado do grupo encara o Sampaio nas oitavas da Série D e o líder terá pela frente o Mixto.

Sampaio 100%

O Sampaio venceu o Mixto na tarde deste domingo e garantiu o aproveitamento de 100% na fase de grupos da Série D. O único gol do jogo foi marcado por Pimentinha, em um belo chute de fora da área.

Campanha para não deixar ninguém reclamando, mas é necessário alguns destaques sobre o Tricolor. Começando vamos reforçar o que jogadores e comissão técnica do time maranhense disse, agora começa a Série D para valer.

Os adversários da primeira fase, com exceção do Mixto, não apresentaram resistência alguma, foram presas fáceis. Tão fáceis que o time maranhense terminou com a melhor defesa da Série D e das quatro divisões nacionais, apenas dois gols sofridos.

O ataque também foi eficiente, 25 gols marcados. Entretanto, no setor ofensivo, há uma preocupação: os atacantes não estão marcando. Célio Codó é o artilheiro do time com apenas quatro gols, enquanto que ainda como atacantes aparecem Ricardinho, Thiago Miracema e Pimentinha, cada um com um gol.

O meio campo e a zaga estão conseguindo auxiliar nos gols até agora, mas para as oitavas de final, é fundamental que os atacantes estejam em dia com os gols. Outro ponto negativo, ainda no ataque, é justamente a falta de bons reservas. Orlando já foi embora e Junior Chicão, que fez jogos razoáveis no maranhense, não engrenou ainda na Série D, talvez até por causa da recuperação da lesão.

Enfim, este parece ser o único “problema” do Sampaio nesta Série D. Com 100% de aproveitamento, melhor ataque e defesa, agora é esperar por Remo, Vilhena ou Atlético-AC nas oitavas de final. A partir de agora, outra parcela do Sampaio terá que aparecer, a torcida, que manteve uma média de apenas 3.500 na fase de grupos. Com o Castelão, este número terá que passar para pelo menos 20mil apoiando e empurrando o time maranhense para a Série C.

sábado, 25 de agosto de 2012

Maranhense no Corinthians

Meia Chiquinho reforço do Timão
Na última quarta-feira o Corinthians anunciou a contratação do meia Chiquinho, de 23 anos. O maranhense estava no Ipatinga, disputando a Série B, e vai para o Timão, onde terá a maior chance da carreira até agora.

Apesar de ser maranhense, Chiquinho nunca chegou a atuar em clubes do Estado. Fez toda a base no Atlético-MG e foi emprestado para Tupi Ipatinga. Em 2012 disputou o Campeonato Carioca pelo Nova Iguaçu e retornou ao Ipatinga para disputar a Série B.

Apesar da vice-lanterna do time mineiro, Chiquinho, que é natural de Caxias, apareceu como um dos destaques e balançou as redes três vezes. Agora no Corinthians, o caxiense ainda terá de esperar para ter sua chance no time principal.

Nome: Francisco Souza dos Santos
Naturalidade: Caxias (MA)
Nascimento: 27/07/1989
Clubes: Atlético-MG, Tupi, Nova Iguaçu e Ipatinga

Na Série D, Sampaio tem rendimento de times que conquistaram o acesso

Se a Série D fosse disputada por pontos corridos, o Sampaio já teria uma vaga garantida na Série C de 2013. Com 21 pontos ganhos, nos sete jogos que disputou, o Tricolor maranhense já igualou o desempenho de equipes que conquistaram o acesso nas três edições anteriores da Série D.

Em 2009 o Alecrim conquistou o acesso somando 20 pontos no acumulado das fases. Em 2010, o Araguaína subiu com 21 pontos e em 2012 o Oeste teve o pior rendimento entre os times que subiram, com 20 pontos ganhos. Como já destacado essas pontuações se referem ao acumulado em todas as fases (grupos e mata-mata).

Com 100% de aproveitamento, o Sampaio não pode mais errar na Série D. O time maranhenses ainda espera conhecer o seu adversário, para o primeiro jogo das oitavas de final, o que poderá acontecer somente na próxima quarta-feira, após a última rodada do grupo A1, onde Remo, Vilhena e Atlético-AC brigam pela classificação.

Pontuação dos times que subiram para a Série C nos últimos anos

2009
São Raimundo – 28
Macaé – 28
Chapecoense – 27
Alecrim – 21

2010
Garany-CE – 28
Madureira – 27
Araguaína – 21
Joinvile – 22

2011
Tupi – 33
Santa Cruz – 27
Cuiabá – 25
Oeste – 20

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Copa União: perda de tempo e desgaste desnecessário para o Sampaio

Dois jogos e duas derrotas. Com o time reserva na Copa União, até pensaram que o Sampaio poderia repetir o domínio que tem com o time principal, mas não foi bem assim. Diante de Sabiá e Cordino, equipes que jamais haviam vencido o Tricolor, a equipe perdeu os dois jogos e as consequências já começaram.

O questionado atacante Orlando foi dispensado e o volante Jefferson foi junto. Falando no Jefferson por sinal, foi dele o erro que resultou no gol do Sabiá. Mas outro detalhe chamou atenção no lance.

Havia apenas um jogador do Sabiá, entre três do Sampaio. Jefferson errou o passe e desistiu da jogada, Zé Paulo poderia ajudar na cobertura, mas optou por bater boca com Jefferson. Dois a menos. Sobrou para Simplício tentar conter a jogada e não conseguiu.

Onde quero chegar. Um erro bobo, mas que ainda poderia ter sido evitado. No momento em que se perde a bola, os jogadores não devem pensar em discutir, mas sim em ir atrás da bola. Na Copa União, tanto faz como tanto fez, mas não pode acontecer na Série D.

As derrotas na Copa União não importam tanto. Mas o que preocupa é a possibilidade disso chegar ao time principal, que tem a Série D como foco. Como dito, uma competição desnecessária que gera um desgaste no clube.

Sabiá apronta com o Sampaio

Ninguém esperava, por mais que o Sampaio tenha confirmado o time reserva para disputar a Copa União. Depois de perder na estreia para o Cordino, foi a vez do Sabiá, com um golaço de Inácio, vencer o Sampaio e conquistar sua primeira vitória na Copa União.

O jogo até foi equilibrado, mas o que surpreendeu foi a pequena pressão do Sabiá no Sampaio no segundo tempo. Pressão premiada com o gol de Inácio, que deixou o gramado emocionado, ao recordar as dificuldades pela qual o time de Caxias passa.

Com a vitória, o Sabiá tem três pontos ganhos na Copa União. O Sampaio, que até agora não sabe porque está jogando a Copa União, é o lanterna sem pontuar e agora volta a respirar Série D. O próximo desafio será contra o Mixto, no domingo às 17h.

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Uma boa história no Castelão

Na manhã desta quinta-feira voltei ao Castelão, que está praticamente pronto para receber o Sampaio. Faltam alguns ajustes, mas até o dia 9, o torcedor maranhense receberá o que há de melhor para poder acompanhar um jogo.

Particularmente fiquei impressionando. Aos que acompanham o blog desde 2009 sabem que não costumo fazer esse tipo de relato, mas esse merece. A princípio foi apenas para uma matéria com o goleiro Rodrigo Ramos e o zagueiro Mimica, que são dois dos destaques do Sampaio na Série D.

A visita dos jogadores chamou a atenção dos operários e de um em especial: o mestre de obras Libânio Reis. Trabalhando na reforma do Castelão, Libânio virou tricolor por causa de um cascudo do tio, durante um superclássico (leia a matéria completa aqui).

Mas não só isso. Creio que jogadores, torcedores, e até mesmo nós jornalistas, queremos sempre o melhor. Quando falamos de futebol no Maranhão sabemos de todas as dificuldades, mas o Castelão pode mudar isso.

Se o Sampaio conseguir o tão sonhado retorno para a Série C e fizer uma boa campanha depois, brigando por um lugar na Série B, podem ser os bons ventos do futebol maranhense. Mas, vamos com um passo de cada vez.

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Remo sonha com Flávio Araújo e Comercial-PI vence a primeira

Ainda brigando pela classificação para as oitavas de final da Série D, o Remo segue tentando melhorar o time. Segundo o perfil @remo100porcento, uma reunião poderia definir a saída do técnico Edson Gaúcho e o técnico do Sampaio, Flávio Araújo, era um dos alvos dos paraenses.

Não é a primeira vez que Araújo entra na mira dos paraenses. Ainda quando iniciava o trabalho no Sampaio, o treinador foi sondado pelo Paysandu, além disso, esteve na mira do Icasa, mas indicou o irmão Júlio Araújo.

As negativas anteriores mostram o comprometimento de Flávio Araújo com o Sampaio. De fato, especializado em acessos, depois de subir com Icasa e América-RN, o cearense está mesmo focado em colocar o time maranhense na Série C. Além disso, dificilmente Araújo se tornaria uma realidade para o Remo.

Ainda sobre a Série D, o Comercial-PI encarou o Santos-AP nesta quarta-feira. As duas equipes já estão eliminadas, mas os piauienses venceram a primeira na Série D, por 3 a 1.

Atualizado (23/08 às 7h15)
Edson Gaúcho foi demitido do Remo e Marcelo Veiga, que subiu o Bragantino em 2007 para a Série B, e estava no clube paulista até agosto deste ano, foi confirmado como o novo treinador do Leão.

CBF reativa o contrato de Edgar com o Maranhão

Edgar deve se apresentar ao MAC
Um dia após apresentar no BID a rescisão de Edgar com o Sampaio, a CBF reativou o contrato do atacante com o Maranhão. O vínculo tem duração até maio de 2014 e a multa rescisória é de R$ 1,5 milhão.

Com a reativação do contrato, Edgar volta a ser oficialmente jogador do Maranhão e inclusive está liberado para disputar a Copa União pela equipe atleticana. Apesar disso, o jogador ainda não se apresentou ao Parque Valério Monteiro, apesar das determinações judiciais e da reativação do contrato.

Desde que o atacante acusou a diretoria do Maranhão de ter falsificado a sua assinatura no contrato assinado em 2009, Edgar conseguiu uma liminar e defendeu o Sampaio nos últimos seis meses. Entretanto, a liminar foi revogada e o atacante perdeu a briga judicial, que determinou seu retorno imediato ao MAC.

A diretoria não descarta totalmente uma nova negociação com o Sampaio, o que aconteceu no início de 2012 e um acordo chegou a ser fechado em R$ 300 mil. Entretanto, a diretoria do time agora pede no mínimo R$ 400 mil pelo jogador, tanto que já recusou uma proposta inicial de R$ 200 mil, realizada por um empresário carioca.

Fim da linha para Edgar

Agora é oficial: Edgar está fora do Sampaio
O atacante tentou, brigou judicialmente, mas não teve jeito. O contrato de Edgar enfim foi rescindido judicialmente, após um mês da liminar do jogador ser cassada e a justiça do trabalho determinar o retorno do jogador ao Maranhão.

Uma acusação grave contra a diretoria do Maranhão, onde a qual teria falsificado a assinatura do jogador. Comprovada que a assinatura não era falsa, Edgar volta ao Maranhão. Um jogador brilhante com a bola, mas sem ela, infelizmente não pensou direito.

Aos 27 anos pode ser o fim precoce da carreira. O futuro de Edgar é outra incógnita. No Maranhão, a maior parte da diretoria nem quer saber de Sampaio, mas outra parcela topa uma nova negociação. Se Edgar ficará no MAC, também ninguém sabe.

Quem quiser contar com Edgar agora, terá que pagar R$ 1,5mi pelo atacante ou negociar com o Maranhão. Vale a pena?

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Sampaio vence na conta e Imperatriz lidera a Copa União

A segunda-feira foi movimentada para o futebol maranhense, com três jogos, sendo dois pela Copa União e com o Sampaio em campo pela Série D. Saldo da noite, com o Tricolor 100% na Série D e o Imperatriz na liderança da Copa União.

Na Copa União, com o Bacabal, teoricamente eliminado, o Imperatriz, de virada venceu o São José por 3 a 1. Vitória que coloca o Cavalo de Aço na liderança ao lado do Cordino, ambos com seis pontos, enquanto o Peixe Pedra, com problemas salariais, amarga a lanterna da competição.

Na sequência, Maranhão e Moto realizaram o primeiro clássico da competição. Um jogo bem movimentado com direito a quatro gols. O Papão saiu na frente com Vanvan, mas Tenilson e Naoh viraram para o MAC. Mas Vanvan, deu o passe para o gol de empate de Carlinhos Silva.

Pela Série D, com cinco desfalques e Orlando em campo, o Sampaio teve dificuldades para chegar a sétima vitória na competição. Diante do Comercial-PI o gol saiu somente aos 42 do segundo tempo, quando depois de boa jogada de Pimentinha, Thiago Miracema aproveitou o rebote e fez o único gol do jogo.

Com a vitória o Sampaio chega aos 21 pontos, se isola ainda mais na liderança da classificação geral e espera seu adversário das oitavas de final. O próximo jogo do Tricolor será contra o Sabiá, pela Copa União, e depois, no domingo, recebe o Mixto, no Nhozinho Santos.

domingo, 19 de agosto de 2012

Santos-AP goleia e Remo é goleado

O Sampaio volta a campo somente na segunda-feira para encara o Comercial-PI. Mas o domingo teve três jogos de interesse do Tricolor, sendo um no grupo da equipe maranhense, e os outros dois envolvendo possíveis adversários das oitavas de final.

Começando pelo Santos-AP, que durante a semana perdeu três pontos pela escalação de um jogador irregular contra o Sampaio. Neste domingo, os amapaenses se redimiram e diante do Araguaína, que também já está eliminado, venceram com goleada de 4 a 1.

Pelo grupo A1, de onde sairá o rival do Sampaio nas oitavas de final, o Remo foi goleado pelo Penarol-AM. Os amazonenses venceram por 4 a 1 e deixaram os paraenses, que ainda lideram o grupo, em situação delicada. No outro jogo do grupo, o Atlético-AC goleou o Náutico-RR por 5 a 1 e segue na terceira posição.

Com estes resultados, o Remo lidera com 13 pontos, seguido pelo Vilhena com 12 pontos e o Atlético-AC, com 10. Penarol-AM e Náutico-RR já não tem mais chances.

O Remo agora precisa vencer o Vilhena, no seu jogo de despedida da fase de grupos para garantir a classificação. O Atlético-AC vai encarar o Penarol-AM e se vencer, tira a vaga do Remo, em caso de derrota dos paraenses. Além disso, os acreanos encaram os rondonienses na última rodada do grupo.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

MAC e Moto vencem e imprensa é barrada no Correão

Enfim a primeira rodada da Copa União foi concluída. Entretanto, dos três jogos previstos para acontecerem, somente dois ocorreram.

O motivo para o Bacabal não encarar o Imperatriz é a crise que assola o clube bacabalense, com dois meses de salários atrasados e sem saber de onde tirar dinheiro para bancar o time. Sem jogadores regularizados, o Bacabal não foi a campo e o estádio Correão foi liberado apenas para a arbitragem e o Imperatriz, para que fosse registrado o W.O. (pelo regulamento da Copa União uma derrota por 1 a 0).

Entretanto, a imprensa foi barrada na entrada do estádio, sendo impossibilitada de realizar as devidas atividades. De acordo com as informações, a ordem partiu da Prefeitura de Bacabal, responsável pela administração do Correão. E o Bacabal após a derrota por W.O. ainda não sabe se terá condições de entrar em campo na segunda rodada.

Com a bola rolando, o Moto venceu o Sabiá por 3 a 0, com gols de Carlinhos Silva, Valbson e Robson Belfort. Em São Luís, com gols de Naoh e Ideilson, o Maranhão venceu o São José por 2 a 0.

Com estes resultados, o Moto lidera a Copa União, seguido por Maranhão, Cordino e Imperatriz. A segunda rodada será aberta no próximo domingo com o jogo entre Cordino e Bacabal, que ainda não se sabe se será realizado, além do clássico entre Moto e Maranhão e o duelo entre São José e Imperatriz, que serão disputados na segunda-feira. Na quinta-feira o Sampaio encara o Sabiá no encerramento da rodada.

Sampaio no caminho certo

Sampaio rumo à Série C
Na última quarta-feira outra vez o Sampaio voltou à vencer pela Série D. Dessa vez a vítima foi o Araguaína, que até tentou resistir ao time Tricolor, mas acabou cedendo à pressão e saiu de campo com a derrota por 3 a 0.

No primeiro tempo, a partida de fato foi até um pouco equilibr/ada, mas logo o Sampaio tomou as rédeas do jogo. Estava apostando nas jogadas pelo meio e sempre batendo da zaga tocantina, ou no goleiro Raphael, que apesar de tudo, evitou um novo massacre Tricolor. Entretanto, ainda no primeiro tempo, Roniery abriu o placar.

No segundo tempo, com o placar já inaugurado, o Sampaio manteve a pressão e marcou mais dois. Cleitinho fez o dele, merecidamente, e Arlindo Maracanã deu números finais, ainda aos 10 minutos, garantindo o triunfo Tricolor.

O meia Cleitinho ainda foi substituído e foi o melhor em campo. Criou chances de gol, perdeu outras e foi coroado com um tento. Ao lado de Roniery e Arlindo Maracanã, Cleitinho vem se consolidando como uma das peças chaves do time e mostrando sua eficácia em campo, crescimento que aconteceu somente no final do Campeonato Maranhense e vem gerando frutos agora.

Com a vitória, o Sampaio já assegurou o primeiro lugar do grupo A2, com duas rodadas de antecedência. Agora o Tricolor já se prepara para o desafio contra o Comercial-PI na próxima segunda-feira.

Confira a classificação do grupo A2
1º Sampaio - 18pts
2º Mixto - 12pts
3º Santos-AP - 4pts
4º Araguaína - 3pts
5º Comercial-PI - 1pt

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Maranhão e São José regularizam 14 jogadores para a Copa União

Maranhão e São José vão se encarar na próxima quinta-feira pela Copa União e correm para regularizar seus jogadores. Na última terça-feira o Peixe já regularizou oito atletas, enquanto o MAC conseguiu fazer a inscrição de seis jogadores.

Pelo São José os goleiros Jade e Junior, o zagueiro Luiz Fernando, o volante Deco, os meias Arcinho, Alisson e Hiltinho e o atacante Ricardo ganharam condições de jogo. Já o Maranhão regularizou o goleiro Milton, o lateral-direito Fernadinho, os zagueiros Lucas, Marcelo e Johnatan e o volante Wellington.

Além de São José e Maranhão, outras equipes como Moto e Sabiá já regularizaram alguns jogadores, mas times como Bacabal e Imperatriz ainda não deram entrada na documentação de nenhum jogador.

Sampaio x Araguaína: pela confirmação da liderança e à espera da torcida

Sampaio: 100% na Série D
O Sampaio volta a campo nesta quarta-feira e desta vez encara o Araguaína pela sexta rodada da Série D. Com a vaga já assegurada na próxima fase, o Tricolor agora defende o 100% de aproveitamento e vai tentar garantir a liderança do grupo, com duas rodadas de antecedência.

O Sampaio contará com o zagueiro Johildo, já que Carlinhos Rech e Robinho seguem no DM, e no meio Ricardinho ainda pode entrar no lugar de Cleitinho, que volta a estar a disposição após suspensão. No Araguaína, sem chances de classificação, o atacante Balotelli é a esperança de aprontar alguma coisa diante do Sampaio.

Mas o Tricolor ainda tem outro desafio, este fora de campo. Com uma média de 5 mil torcedores por jogo, elenco e comissão técnica esperam que pela primeira vez a torcida possa chegar à casa dos 40 mil para ver o terceiro jogo do melhor time da Série D.

Moto Club: 74 anos transcritos em páginas

Capa do livro do Moto Club
O dia 13 de setembro de 2012 será especial para a torcida motense, já que o clube completa 75 anos. Mas um dos presentes será dado somente no dia 18, cinco dias após o aniversário do time.

Com a presença de ídolos de todas as gerações, como Kleber Pereira, Hamilton, Jack Jone e Zé Roberto, será lançado o livro Memória Rubro-Negra: de Moto Club à eterno Papão do Norte. A obra é do escritor e professor Hugo Saraiva, que já escreveu o livro Sampaio Corrêa: uma paixão dos maranhenses.

O momento do Moto infelizmente não é bom dentro dos campos. Crise administrativa, segundo rebaixamento para a Série B Maranhense, entre outros problemas. O livro permitirá ao torcedor recordar tempos áureos da equipe, como quando o time conquistou a alcunha de Papão do Norte.

O lançamento do livro Memória Rubro-Negra: de Moto Club à eterno Papão do Norte será no dia 18 de setembro, às 19h, no auditório da Faculdade São Luís.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

R10 Nordestino: revelação, artilheiro e esperança de acesso do CSA

Ronaldo: artilheiro da Série D
Ronaldo, 19 anos, dono da camisa 10 do CSA, artilheiro da Série D e a grande aposta do clube alagoano para conquistar o acesso para a Série C. A principal revelação até aqui da competição, se destacou, principalmente no último domingo.

Antes de chegar ao CSA, Ronaldo estava no Corinthians-AL, clube pelo qual foi um dos artilheiros do Alagoano Sub-18 de 2010, com nove gols marcados. Desde então atuou entre os profissionais e foi aos poucos conquistando o seu espaço até ir para o CSA em maio deste ano.

Um dos reforços para a Série D, antes do último domingo, Ronaldo já tinha marcado quatro gols com a camisa do CSA e já era o principal nome da equipe alagoana. Diante do Feirense, o time alagoano mirava apenas a classificação antecipada. Mas para o jovem meia o prêmio foi maior. Goleada do CSA por 5 a 0, com direito a quatro gols de Ronaldo, que levaram o jogador à artilharia da Série D, com oito gols marcados em seis jogos, e o meia ainda fez um belíssimo lançamento para Safira marcar.

Agora, o Azulão Mutangue ainda terá mais um desafio na fase de grupos e depois já pensa nas oitavas de final. Para conquistar o acesso poderá ter pela frente o Campinense, o que promete mais um grande jogo da Série D, mas se Ronaldo estiver inspirado, o CSA pode conquistar o acesso com tranquilidade.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Flávio Araújo foi sondado pelo Icasa, mas indicou o irmão para o clube cearense

Flávio Araújo: 100% com o Sampaio na Série D
Responsável direto pela boa campanha do Sampaio na Série D, o técnico Flávio Araújo já foi alvo de várias sondagens. Ainda no Campeonato Maranhense, o Paysandu andou perguntando pelo treinador, mas sempre recebeu uma resposta negativa.

Agora com a boa campanha do time na Série D, onde o Tricolor já garantiu a classificação para as oitavas de final, com três rodadas de antecedência, Flávio voltou a ser observado. Dessa vez o Icasa, clube o qual já comandou, e é unanimidade, lhe procurou para ter seus serviços, mas o treinador sequer cogitou deixar o time maranhense.

Entretanto, Flávio deu uma força ao Icasa. Indicou o irmão Júlio Araújo para comandar o Verdão do Cariri na Série C. Júlio foi confirmado no último domingo no comando técnico da equipe cearense, enquanto que Flávio garantiu a vaga nas oitavas de final com uma goleada épica do Sampaio diante do Santos-AP.

O que falta para a torcida do Sampaio ir ao estádio?

São cinco vitórias em cinco jogos, 20 gols marcados, 100% de aproveitamento, melhor ataque e defesa da Série D e classificação garantida para as oitavas de final. Esse é o desempenho do Sampaio na competição e agora aguarda o apoio do torcedor nas arquibancadas.

No primeiro jogo da Série D no Nhozinho Santos, contra o Comercial-PI, apenas 5.701 torcedores foram ao estádio. Na goleada épica contra o Santos-AP, no último domingo, o número foi praticamente o mesmo. Resumo da ópera: média de 5mil torcedores no Nhozinho Santos.

Uma pena. Mas uma pena para quem não vai ao estádio. Nestas duas ocasiões o Sampaio sobrou em campo. Goleou o Comercial-PI por 4 a 0 e contra o Santos-AP fez quatro gols em 14 minutos e terminou o jogo vencendo por 6 a 0, mas que poderia ser 7, 8, 9 ou até 10.

Enquanto isso, o Municipal não lotou. Pouco menos da metade do estádio utilizada pela torcida. Pode até ser que a desconfiança de campanhas anteriores, como 2010 e 2011 abalem o otimismo do torcedor, mas isso é passado. O Sampaio de 2012 mostra que tem tudo para conquistar o acesso e voltar à Série C.

Apesar do time estar sobrando em campo, o apoio da torcida é fundamental. Para quem lotou o Nhozinho Santos em tempos não tão bons, é hora de voltar ao municipal e empurrar o Sampaio para a Série C.

Enquanto isso, o Remo tem uma média de 8mil torcedores por jogo, o CSA tem levado 7mil aos estádios. O Sampaio tem capacidade para fazer igual ou melhor, mas até agora, a torcida não tem colaborado.

domingo, 12 de agosto de 2012

Sampaio soberano

Sampaio está voando na Série D
Diante de um renovado Santos-AP, o Sampaio não tomou conhecimento do rival. Simplesmente atropelou e com 14 minutos já vencia o jogo por 4 a 0, com dois gols de Eloir, um de Codó e outro de Zé Paulo.

Ainda no primeiro tempo, Deca fez o quinto e no segundo tempo, abusando de perder gols, Zé Paulo fez o sexto. O Santos-AP não teve o que fazer, não reagiu e nada mostrou em campo.

Com a goleada, o Tricolor garantiu a vaga para a próxima fase, de forma absoluta. Cinco vitórias em cinco jogos, 19 gols marcados e apenas dois sofridos. A próxima meta é apenas garantir a classificação em primeiro do grupo.

Já pensando nas oitavas, dificilmente sairá um confronto contra o Remo, que deverá acontecer somente quando valer o acesso. Entre os possíveis rivais estão Atlético-AC, Náutico-RR, Penarol-AM e Vilhena. Até lá, o Sampaio segue sobrando na Série D.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Moto e Cordino regularizam três jogadores para a Copa União

Aos poucos os times vão regularizando seus jogadores para a disputa da Copa União. Nesta sexta-feira foi a vez de Moto e Cordino regularizarem mais três jogadores.

No rubro-negro, os volantes Marcinho, de 33 anos, e Davis, de 26 anos, tiveram seus contratos cadastrados no BID. Marcinho estava no Guarani de Juazeiro e Davis defendeu o Icasa durante o Campeonato Cearense.

O Cordino por sua vez regularizou o meia Antônio. O jogador disputou o Campeonato Paulista Sub-17 de 2011 pelo América-SP.

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

E o Sampaio perdeu

Tudo bem era o time reserva, mas era o Sampaio. Diante do Cordino, após 19 jogos na era Flávio Araújo e na estreia da Copa União, o time de Barra do Corda destruiu a invencibilidade do Tricolor, com um gol no segundo tempo do baixinho e estreante Naldinho.

O Sampaio foi superior durante todo o jogo, mas não soube aproveitar as oportunidades que teve. Cleitinho arriscava, mas a bola só assustava o goleiro Jairo. Chicão também só assustou, Orlando e Miracema pouco apareceram.

O Cordino, que em toda sua história venceu apenas um jogo fora de casa, teve poucas chances. Em uma dessas poucas chances, Naldinho aproveitou, arriscou de fora de área e correu para o abraço.

O time que rebaixou o Moto pela segunda vez na história, volta a aprontar, dessa vez com o Sampaio, derrubando a invencibilidade do Tricolor. Méritos ao Cordino e nada de preocupação no Sampaio, afinal eram os reservas.

Mas, o jogo deixa uma lição. O time reserva do Sampaio não é tão forte quanto esperado, possui boas peças, mas está ao nível das demais equipes da Copa União. Enfim, que o foco do Sampaio seja mesmo o acesso para a Série C e depois o Tricolor sonhe com o segundo estadual do ano.

Na Série D, oito times ainda não sabem o que é vencer

Após 107 jogos a Série D começa definir os classificados para as oitavas de final, onde começa a briga para valer pelo acesso. Até aqui muitos times já se destacaram pelas grandes campanhas na fase de grupos, como o invicto Sampaio, além do CSA, Cianorte e Ceilândia.

Mas, no andar de baixo, algumas equipes já conseguem o destaque negativamente. Os destaques começam pela turma que ainda não sentiu o gosto de uma vitória pela Série D.

O pelotão dos sem-vitória começa com o Mirassol, que já empatou quatro jogos e perdeu outros dois. Com estes resultados, o time paulista é apenas o lanterna do grupo A8 e, com apenas mais dois jogos pela frente, praticamente já deu adeus ao sonho da classificação.

Seguindo com a turma dos sem-vitória tem o Petrolina, com três empates e duas derrotas. O time pernambucano ainda tem mais três jogos pela frente no grupo A3, mas é o lanterna da chave o Campinense, vice-líder com 10 pontos, será alcançado pela equipe do sertão.

O Santos-AP, do grupo A2 também não venceu ainda. Mas neste grupo, o feito não é exclusivo do time amapaense, pois Araguaína e Comercial-PI também não venceram ainda.

O Santos-AP tem três empates e uma derrota, o Araguaína, que possui a quinta pior campanha da Série D, já contabiliza três empates e uma derrota, seguido do Comercial-PI, com quarta pior campanha, com dois empates e duas derrotas. Com estas campanhas, o trio praticamente não tem mais chances de sonhar com a classificação. No grupo, o Sampaio já soma 12 pontos e o vice-líder Mixto soma oito. Vagas praticamente garantidas.

Puxando o Top 3 negativo da Série D aparece o Sobradinho, com dois empates e quatro derrotas, seguido pelo Marília, que com três derrotas e dois empates, além disso possui a pior defesa da competição, com 13 gols. Como pior time da Série D aparecer o Vitória da Conquista, com apenas um ponto conquistado em cinco jogos disputados.

Com Sampaio confirmado na reabertura, sonho agora é a Seleção no Castelão

O Gigante do Outeiro da Cruz
O Castelão vai voltar para valer em 2012, e a reabertura será com o Sampaio jogando pela Série D. A confirmação de que o Tricolor irá reiniciar as atividades do foi informada pelo secretário de comunicação Sérgio Macedo, na última quarta-feira ao blog do Zeca Soares.

Como já dito, o provável jogo de reabertura será a partida de volta nas oitavas de final da Série D, no dia 9 de setembro, que poderá ser antecipado para o dia 8. Agora o Governo e o próprio Sampaio tem que correr para garantir os laudos, o que não será trabalhoso, liberando o estádio para a Série D.

Com o time maranhense garantido na reinauguração do Castelão, outro sonho ronda a cabeça dos maranhenses: rever a Seleção Brasileira. Houve promessa de que em 2012 o Brasil ainda jogasse no Maranhão, o que não se concretizou.

Entretanto, desde que retornou de Londres, o presidente da FMF, já saiu falando que tentará negociar com a CBF a realização do jogo entre Brasil e Portugal no Gigante do Outeiro da Cruz. O sonho é possível.

As Confederações do Brasil e Portugal já iniciaram conversas para um possível amistoso em 2013, quando será comemorado o ano do Brasil em Portugal e de Portugal no Brasil. A última vez em que os dois times se enfrentaram foi no dia 25 de agosto de 2010, quando empataram sem gols na primeira fase da Copa do Mundo de 2010.

Quando se fala de visitas da Seleção à São Luís, já se passaram 10 anos desde a última vez que passaram em território maranhense. Na ocasião, o Brasil da família Scolari encarou a Venezuela, no dia 14 de novembro e venceu por 3 a 0, com dois gols de Luizão e um de Rivaldo. (veja o vídeo abaixo).