domingo, 30 de setembro de 2012

Sampaio arranca empate do Baraúnas, em Mossoró

Tudo igual no primeiro jogo da semifinal entre Sampaio e Baraúnas. Com o empate em 1 a 1, em Mossoró, o time maranhense tem a vantagem de jogar pelo empate sem gols para se classificar, enquanto os potiguares terão que vencer ou empatar a partir de 2 a 2, para avançarem à final da Série D.

No primeiro tempo, o Baraúnas comandou o início do jogo, mas quando Sampaio conseguiu o domínio da partida, logo abriu o placar aos 27, com Cleitinho. O Tricolor seguiu com o jogo dominado, mas o primeiro tempo não teve mais gols.

Na etapa final, logo aos 10 minutos, Maxwell empatou para os donos da casa. A partida então seguiu equilibrada, mas ninguém balançou as redes no restante do jogo.

O jogo de volta será realizado no dia 10 de outubro, às 20h30 no Castelão. Na final, o classificado vai encarar o vencedor do confronto entre Mogi Mirim e Crac.

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Segundinha maranhense poderá ter apenas três clubes

Inicialmente a Segunda Divisão Maranhense de 2012 teria seis equipes. Mas depois, o número caiu para cinco, quatro e agora corre o risco de apenas três times disputarem o acesso para o Campeonato Maranhense de 2013.

Isso porque depois da desistência do Chapadinha, o Balsas é quem pode ficar fora da Série B Maranhense. A equipe do interior maranhense possui débitos com a CBF e caso não consiga quitar estas pendências, ficará fora da Segunda Divisão Estadual.

O prazo para a quitação destes débitos é até a próxima segunda-feira. Caso isso não ocorra, a Série B Maranhense terá apenas JV Lideral, Americano e Expressinho na briga por uma vaga no Estadual de 2013.

Vale lembrar que nas últimas três edições da Segundinha, apenas em 2010, com a participação do Moto, o torneio contou com quatro times. Em 2009 e 2011 apenas três equipes participaram da Série B Maranhense.

Tabela
A FMF já tem a tabela montada, mas ainda não divulgou. Entretanto, a primeira rodada será realizada apenas no dia 14 de outubro, com o Americano encarando o JV Lideral e o Expressinho tendo pela frente o Balsas, caso a equipe do interior quite os débitos com a FMF.

Maremoto por Léo Paraíba

Em 2011, Léo foi artilheiro no Bacabal
O atacante Léo Paraíba ganhou amplo destaque entre os clubes maranhenses após a boa Copa União de 2011, pelo Bacabal. Na ocasião, o jogador foi vice-artilheiro da competição com 11 gols marcados.

Ainda em 2011, após a Copa União, o Sampaio anunciou a contratação de Léo Paraíba, para o elenco de 2012. Entretanto, um dia após o anúncio, o atacante estava no Rio de Janeiro, treinando com o Olaria e foi descartado pelo Tricolor.

Após a volta do futebol carioca, Léo defenderia o Bacabal, novamente na Copa União, mas a situação de crise da equipe forçou a saída do atacante. Inicialmente, um acerto com o Moto. Mas a regularização demorou a sair, o jogador ficou preocupado com a crise do clube e desistiu de jogar pelo rubro-negro.

Entretanto, antes de desistir de atuar pelo time motense, Léo Paraíba assinou contrato até o fim de 2012 e acabou sendo regularizado. Mas isso não impediu o Maranhão de anunciar o jogador.

Aí começa mais uma novela do futebol maranhense. Léo Paraíba não quer jogar pelo Moto, já confirma a sua ida para o MAC, mas o rubro-negro diz que não irá liberar o jogador. Pelo lado atleticano, a diretoria já se prepara para fazer um pagamento simbólico ao rival, arcando com as despesas do atacante ao clube rival e se necessário o pagamento da multa rescisória.

Agora é esperar se Léo Paraíba irá para o MAC ainda na Copa União, ou somente em 2013 para o Campeonato Maranhense e a Série D.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

Sampaio na bola oval

Sampaio quer repetir o sucesso do Maranhão Rúgbi
O Sampaio terá ainda em 2012 mais uma modalidade para investir: o rúgbi. Após o sucesso do Maranhão, em seu primeiro ano na Liga Nordeste, chegando à final da competição, o Sampaio também irá investir na bola oval, que tem seus números de adeptos expandindo cada vez mais no Brasil.

A parceria entre Sampaio e o rúgbi já começará em 2012, mais precisamente em outubro. Juan Frota, que foi um dos principais responsáveis pelo sucesso do Maranhão Rúgbi, e conduziu a negociação com o Tricolor, já destacou que a parceria não implicará no fim do Maranhão Rúgbi.

Agora, o Maranhão terá dois times na modalidade, com o Sampaio e o Maranhão Rúgbi. No Tricolor, a montagem do time já começará no mês de outubro e o projeto será feito visando uma vaga na Liga Nordeste de 2013.

Depois do acesso à Série C, mais uma bola dentro do Sampaio. E agora a bola vai voar!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Sampaio – agora é planejar 2013

Campeonato Maranhense, Copa do Brasil e Série C. Este é o calendário do Sampaio para 2013. Após conquistar o acesso, e apesar de ainda ter as semifinais da Série D pela frente, é hora do Tricolor começar a planejar a temporada de 2013.

Tudo começa no banco de reservas. Com a manutenção do técnico Flávio Araújo, sonhar com um acesso para a Série B pode ser possível. Mas, além disso, é necessário reforçar o elenco.

Rodrigo Ramos é um bom goleiro, mas precisa de um goleiro do mesmo nível, para que possa incomodar o atual titular. É aquela velha tese: toda unanimidade é burra. É necessário que Rodrigo seja provocado para melhorar.

Na zaga, um bom defensor, para fazer companhia ao atual sistema defensivo, que é muito bom. Com o retorno de Augusto Luiz, que teve a temporada interrompida durante o Estadual por conta de uma cirurgia, e a chegada de mais um zagueiro, o setor defensivo estará completo.

No meio campo, talvez mais um meia, por questão de elenco. Cleitinho também precisa manter o nível de suas atuações. Na Série D fez bons jogos, mas, na partida contra o Mixto, foi discreto em campo.

Por fim, o ataque. Célio Codó é bom atacante, mas não resolve os problemas sozinhos. As opções da reserva são Junior Chicão e Thiago Miracema, sempre contestados. Então, é preciso de pelo menos dois bons atacantes de área. Além disso, manter a base do elenco atual é imprescindível para qualquer sonho na Série C.

Série C 2013
A Série C de 2013 deve ser mantida com dois grupos. Considerando o rebaixamento do Cuiabá e Guarany de Sobral para a Série D, além da queda do Ipatinga, Bragantino, Barueri e Guaratinguetá, assim como o acesso de Luverdense e Fortaleza, um possível grupo do Sampaio seria com Salgueiro, Treze, Águia, Santa Cruz, Paysandu, Icasa, Vila Nova, Brasiliense e Baraúnas

MAC – 80 anos e reformulação

Em 2007 o Maranhão comemorou sua última grande conquista, com o título do Campeonato Maranhense daquele ano. Em 2008, o time participou de sua última competição nacional, a Copa do Brasil daquele ano. Neste dia 24 de setembro, o time atleticano completa 80 anos e já sabe que voltará a disputar uma competição nacional.

O sonho de um título ainda pode acontecer em 2012, na Copa União, mas para isso o time terá que se recuperar no segundo turno. Isso porque, a equipe é apenas a quarta colocada, com 13 pontos.

Enfim, o time precisa mudar, para melhor. No dia que completa 80 anos, o Maranhão, vice-campeão maranhense de 2012, ganhou a vaga na Série D de 2013, já que o Sampaio subiu. Para repetir o feito do Sampaio, a equipe atleticana terá que mudar o pensamento, começando na diretoria.

O atual elenco e comissão técnica podem ser aproveitados em uma Série D, mas o time precisa de reforços em todos os setores do campo. Com 80 anos, o MAC precisa ser reformulado.

Em dezembro o clube passará por eleições. O atual presidente Antônio Macedo ainda não sabe se concorrerá novamente ao cargo, assim como não há o surgimento de chapas interessadas até o momento. Mas agora, o Maranhão tem que fazer um bom planejamento para brigar por um acesso à Série C de 2014.

Série D 2013
Além do Maranhão, mais três times estão garantidos na Série D de 2013. Nacional-AM, Águia Negra e Gurupi estão classificados. No Amapá, o TJD-AP decidirá se a vaga ficará com Oratório ou Santos-AP. Ainda em 2012, mais quatro times da competição poderão ser conhecidos.

Fotos - Sampaio 0x0 Mixto

A bicicleta tricolor deu a volta antes da bola rolar
O jogo começa
O Sampaio apostou no jogo aéreo, mas sem sucesso
Pimentinha infernizava pelo lado direito
O placar sempre foi do acesso Tricolor
Robinho, cara a cara com Perereca, mas perdeu
A direita é caminho: Roniery invade a área do Mixto
Novamente Roniery avançando pela direita

domingo, 23 de setembro de 2012

Sampaio 0x0 Mixto – acesso dramático

Nervosismo. É a única palavra para resumir o que aconteceu durante o empate sem gols entre Sampaio e Mixto na tarde deste domingo. Resultado, que levou o time maranhense de volta à Série C de 2013.

Nervosismo mostrado por Célio Codó. Gols e mais gols perdidos. Alguns inacreditáveis. No segundo tempo, uma grande chance, após boa jogada de Pimentinha, Codó mandou para fora.

A torcida pediu para tirar o atacante, que não estava em de seus bons dias. Talvez tenha sido injustiçado pelos gritos de “tira”, afinal, Codó já balançou as redes 53 vezes, desde que chegou ao Sampaio. Entrou Junior Chicão, que também, perdeu uma chance incrível.

O jogo chegava aos 40, 41, 42 e 45. Foram quatro minutos de acréscimo. Aos 48, falta na entrada da área, bola na barreira e nova falta. Aos 50 minutos. Seria o gol do Mixto? Rodrigo Ramos vai pegar? O último lance do jogo. Cobrança para fora. Sampaio de volta a Série C, após um jogo em que o nervosismo foi o maior rival do time maranhense.

Cleitinho irregular
Após a eliminação, o Mixto ameaça denunciar o Sampaio por uma irregularidade do meia Cleitinho. Os departamento jurídico do Mixto, alega que o meia tem três amarelos, mas vamos aos fatos.

Cleitinho recebeu o primeiro amarelo no jogo contra o Santos-AP (10/07). No jogo seguinte, contra o Araguaína (04/08), ainda em campo, Cleitinho recebeu um amarelo. Mas quando estava no banco recebeu o segundo amarelo e expulso automaticamente.

No jogo de volta contra o VIlhena (02/09), mais uma vez o meia recebeu cartão amarelo. Dessa forma ele tem apenas dois amarelos e é um dos pendurados no time do Sampaio. Os dois cartões amarelos contra o Araguaína, não são contados, pois a punição parte do vermelho. Caso ele tivesse recebido um amarelo e fosse expulso direto, o cartão amarelo entraria para a contagem e Cleitinho estaria suspenso para o primeiro jogo contra o Mixto.

Dessa forma, a acusação de irregularidade sobre o Cleitinho não procede. Sampaio tem a vaga na Série C conquistada em campo, e se necessário, será ratificada no tapetão.

sábado, 22 de setembro de 2012

Série C nos moldes da A e B nos próximos anos

Neste sábado, o blog do Zeca Soares trás a informação apurada de que a Série C poderá ter um grupo único a partir dos próximos anos, nos moldes das Séries A e B. Dessa forma, as 20 equipes jogariam em turno e returno cada um com 38 jogos, com os quatro primeiros subindo e os quatro últimos sendo rebaixados para a Série D.

Atualmente a Série C é disputada com dois grupos na primeira fase, cada um com 10 times. Os quatro melhores avançam para as quartas de final e os classificados nesta fase garantem o acesso para a Série B. Os dois últimos de cada grupo são rebaixados para a Série D 2013.

A atual fórmula foi adotada neste ano e deve continuar até 2013, já que qualquer mudança de fórmula nas competições devem ser mantidas por duas temporadas. A mudança deve ocorrer somente em 2014, mas dentro da CBF, alguns diretores sonham com a possibilidade de que isso aconteça já em 2013.

Meia de 19 anos do MAC tem multa de R$ 1 milhão

David: nova aposta do MAC e multa milionária
Sempre apostando na revelação de jogadores, o Maranhão conta com mais uma aposta entre os profissionais. O meia David, de 19 anos, foi promovido ao time principal para a Copa União e assinou contrato até 2015 com o time do Parque Valério Monteiro.

David sempre se destacou na base do Maranhão e o técnico André Baratz, que comandou o time no Estadual e nas três primeiras rodadas da Copa União, pediu para que o jogador fosse integrado ao elenco profissional. Para manter o atleta e confiando em um retorno futuro, o MAC preparou um contrato com multa de R$ 500 mil para transferências nacionais.

Entretanto, para transferências internacionais, David tem uma multa rescisória de US$ 500 mil. Como o dólar está cotado em R$ 2,0111, no caso de uma transferência hoje, o MAC receberia R$ 1.005.500 pelo meia.

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Nacional-AM sondará técnicos do Sampaio e Mixto

Flávio Araújo volta a ser cobiçado por outros clubes
Enquanto Sampaio e Mixto decidem uma das vagas do acesso para a Série C de 2013, os seus técnicos estarão sendo observados pela diretoria do Nacional-AM. O vice-presidente do clube amazonense e o acompanharão o jogo e pretende conversar com os treinadores após a partida.

- Temos que contratar um técnico de gabarito para a temporada que vem porque estamos como três competições. Os dois treinadores são bons e vamos conversar com ambos – disse Gilson Mota ao acrtitica.com

O Nacional disputará a Copa do Brasil, a Série D e o Estadual em 2013. Com temporada cheia o clube completará 100 anos de existência e sonha com o acesso para a Série C de 2014.

O contato com Flávio Araújo e Everton Goiano acontecerá somente para saber possíveis valores. Logicamente, quem subir para a Série C de 2013, dificilmente deixará o time para comandar o Nacional-AM.

Vale lembrar que Flávio Araújo já foi sondado por alguns clubes, como Icasa, Paysandu e Remo. Em todas sondagens anteriores, a saída do clube maranhense foi recusada pelo treinador.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Luciodependência: ASA depende mais de Lúcio Maranhão do que Santos de Neymar

Lúcio Maranhão: 37 gols na temporada pelo ASA
‘O Santos sem Neymar é um Bragantino com fama’. Esta frase já ficou famosa para indicar a dependência do time da baixada paulista pelo atacante do moicano. Entretanto, a dependência do Santos por Neymar é menor do que a ocorre no ASA pelo artilheiro Lúcio Maranhão.

O esquema do time alagoano também ajuda nesta Luciodependência, já que o time arapiraquense costuma jogar no 3-6-1, com o maranhense sendo a única referência do time. Este fator ajudou a construir a boa fase de Lúcio e também a dependência do time por seus gols.

Se o Santos com Neymar é um e sem é outro, o mesmo acontece com o ASA, entretanto em maior proporção. No time paulista, Neymar é o responsável por 36 gols na temporada, enquanto que toda a equipe balançou as redes 111 vezes, o que dá ao atacante 32,34% dos gols santistas na temporada.

No ASA, Lúcio Maranhão responde por 42,5% dos gols alagoanos, quase a metade dos 87 tentos saíram dos pés do atacante. Com 37 gols na temporada, somente 50 não foram marcados pelo maranhense no Fantasma das Alagoas.

A dependência pelo atacante ficou clara logo no Campeonato Alagoano. Dos 48 gols marcados pelo ASA, 43,75%, ou seja 21 gols, foram anotados por Lúcio Maranhão. Na Copa do Brasil, o atacante deixou de marcar somente em um jogo e fez três dos seis gols alagoanos.

Na Série B, Lúcio Maranhão briga pela artilharia da competição e já chegou aos 13 gols. Este número representa 39,3% dos 33 gols marcados pelo ASA na competição.


terça-feira, 18 de setembro de 2012

Eloir: o mais produtivo do Sampaio na Série D

Eloir: quatro gols e quatro assistências na Série D
Qual o jogador mais produtivo do Sampaio na Série D? Talvez na cabeça do torcedor o primeiro nome que venha a cabeça seja o de Arlindo Maracanã, Roniery e Pimentinha, este último, pelas boas atuações nos jogos recentes.

Entretanto, esqueçam estes nomes. Os jogadores citados acima são extremamente importantes para a boa campanha do Sampaio e já balançaram as redes e deram assistências, mas o jogador tricolor que mais produziu nessa Série D, foi o meia Eloir.

Velho conhecido dos torcedores maranhenses e presente na equipe desde 2007, Eloir já marcou quatro gols na Série D, além de iniciar as jogadas para outros quatro gols da equipe. Ao todo, saiu na foto, como coadjuvante ou autor principal, em oito oportunidades.

Ainda entre artilheiros e garçons, são destaques, Arlindo Maracanã, com quatro gols, sendo dois três de cabeça e um de pênalti, ao lado de Célio Codó, que também tem quatro gols. Além disso, os dois já realizaram duas assistências na competição.

A sensação do momento, Pimentinha, além dos quatro gols, já deu sua primeira assistência. Foi do atacante, a cobrança de falta para Arlindo Maracanã fazer o único gol maranhense no primeiro jogo contra o Mixto, pelas quartas de final da Série D.

Quem também merece destaque é dupla de zaga. Responsável pela segunda melhor defesa da Série D, com seis gols sofridos, Mimica e Carlinhos Rech, cada um já marcou um gol. Além disso, Mimica tem uma assistência, enquanto que Rech aparece com dois passes para gols.


segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Imperatriz vence o Sabiá e termina primeiro turno 100%

Na noite desta segunda-feira, o Imperatriz venceu o Sabiá por 3 a 1 e garantiu o 100% de aproveitamento ao fim do primeiro turno da Copa União. O Cavalo de Aço lidera a competição, com 19 pontos, enquanto que o Sabiá é o terceiro colocado com 13 pontos.

No primeiro tempo, o Imperatriz saiu na frente com um gol de David, aos 11 minutos, mas Cortez empatou aos 18. Na etapa final, com gols de William e Leone, o alvirrubro garantiu mais uma vitória na competição.

O Imperatriz volta a campo somente no dia 24, quando encara o São José. Já o Sabiá visita o Moto, no Nhozinho Santos, na próxima quinta-feira.

Classificação da Copa União
1º Imperatriz - 21pts
2º Cordino - 16pts
3º Sabiá - 13pts
4º Maranhão - 12 pts (2)
5º São José - 12 pts (-2)
6º Moto - 10 pts
7º Sampaio - 6pts

Artilheiros
Casagrande (Cordino) - 5 gols
Carlinho Silva (Moto), Rayllan (Imperatriz), William (Imperatriz) - 4 gols
Ideilson (Maranhão), Ulisses (Cordino), Wanderley (São José) - 3 gols

domingo, 16 de setembro de 2012

Mixto 1x1 Sampaio - acesso será decidido no Castelão

Mixto e Sampaio empataram em 1 a 1 na noite deste domingo, no Dutrinha, no primeiro jogo das quartas de final da Série D. A partida de volta, que definirá um dos quatro time à ascender para a Série C de 2013, será no próximo domingo, às 17h no Castelão.

O primeiro tempo terminou com o placar em branco. Os gols ficaram para a etapa complementar, com Arlindo Maracanã colocando o Sampaio na frente. Entretanto, Furlan ainda teve tempo para empatar o jogo e de fato adiar toda a decisão do acesso para o próximo domingo.

Com o empate, quem vencer o jogo em São Luís, garante o acesso e a classificação para as semifinais, onde irá encarar o classificado do duelo entre Campinense e Baraúnas. Para o Sampaio, o empate sem gols basta para garantir a classificação, enquanto que o Mixto joga por qualquer empate a partir de 2 a 2.

Vale lembrar que na Série D de 2012, o Sampaio não perdeu nenhum dos cinco jogos disputados em São Luís e sofreu apenas um gol. Além disso, com a derrota do Friburguense para o Crac, a equipe maranhense é a única invicta da competição nacional

O jogo entre Mixto e Sampaio do próximo domingo, além de valer o acesso, será o quarto jogo entre as duas equipes na competição. Até aqui os maranhense somam duas vitórias e um empate. Foram cinco gols marcados pelo tricolor, contra dois dos alvinegros.

Confira os resultados dos jogos de ida das quartas de fina
Campinense 1x1 Baraúnas
Crac 2x0 Friburguense
Mogi Mirim 1x2 Cianorte
Mixto 1x1 Sampaio

MAC e Cordino empatam em jogo de oito gols

No único jogo deste domingo pela Copa União, Cordino e Maranhão empataram em 4 a 4 no estádio Leandrão, em Barra do Corda. Com o resultado, o time atleticano chegou aos 12 pontos e voltou ao G4, enquanto que a Onça chega aos 16 pontos e segue como vice-líder da competição.

O Cordino saiu na frente e com Roberto Santos e Casagrande, marcando três vezes, desenhava uma goleada em cima do Maranhão. Mas o time atleticano reagiu e com gols Ideilson, Hilderlando, Dinho e Lucas, buscou o empate fora de casa, somando um ponto na despedida do segundo turno.

O Maranhão volta a campo na próxima quinta-feira, quando encara o São José, em duelo direto pelo G4. Já o Cordino volta a campo somente no dia 27, quando encara o Imperatriz, no Leandrão.

Confira a classificação da Copa União
1º Imperatriz – 18 pontos
2º Cordino – 16 pontos
3º Sabiá – 13 pontos
4º Maranhão – 12 pontos (2)
5º São José – 12 pontos (-2)
6º Moto Club – 10 pontos
7º Sampaio – 6 pontos

Artilharia
Casagrande (Cordino) - 5 gols
Carlinhos Silva (Moto); Rayllan (Imperatriz) - 4 gols
Ideílson (MaranhãO; Ulisses (Cordino); Wanderley (São José); William (Imperatriz) - 3 gols

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Wanderley: reserva, três jogos e três gols de falta

São três jogos disputados e três gols marcados. Esse é o desempenho do lateral Wanderley, o último reforço do São José para a disputa da Copa União. O lateral de 20 anos chegou emprestado pelo Horizonte ao Peixe e a cada jogo está justificando a sua contratação.

Ainda reserva do time, toda vez que tem entrado, Wanderley tem resolvido, ou tentado resolver os jogos para o São José. A estreia do lateral foi contra o Moto, quando entrou no intervalo do jogo.

Na ocasião, o São José estava empatando com o Moto em 1 a 1. Mas aos 40 minutos do segundo tempo, uma falta para o Peixe Pedra e Wanderley mandou no fundo da rede motense. Vitória garantida com o gol de falta do estreante.

O segundo jogo do lateral, foi contra o Cordino. Novamente Wanderley foi reserva e entrou no segundo tempo com o jogo empatado em 1 a 1. Aos 25 da etapa final, o lateral foi para uma cobrança de falta e fez o gol da vitória do São José. O segundo gol de falta, em dois jogos pela equipe.

A terceira partida de Wanderley, mais uma vez o jogador foi reserva e entrou no segundo tempo, mas dessa vez não conseguiu levar o seu time à vitória. O Sabiá já vencia por 2 a 0 e Wanderley só teve tempo para descontar para o São José, antes dos caxienses finalizarem a vitória em 3 a 1.

Novamente, Wanderley entrou durante o jogo, foi para a cobrança de falta e marcou. Apesar disso, o jogador ainda não é titular da lateral-direita do São José.


Artilheiro das bolas paradas
Dos 46 gols marcados até aqui na Copa União, 11 gols saíram de cobranças de faltas ou pênaltis. Na bola parada, o São José foi quem mais marcou gols, com quatro de faltas.

Os outros dois gols de falta marcados nesta Copa União, foram marcados por Ulisses, do Cordino, e Ideílson, do Maranhão.

Apesar do bom aproveitamento nas faltas fora da área, as penalidades não são o ponto forte do time ribamarense. Dos cinco gols de pênaltis nesta Copa União, três foram contra o São José.

Além disso, o Peixe teve apenas um pênalti marcado a seu favor. O feito aconteceu no jogo contra o Sabiá, mas na cobrança, Gilson foi para a bola e teve o chute defendido pelo goleiro João Paulo.


Ex-meia do Barcelona no Maranhão

Jonatas Torres
O meia Jonatas Torres, de 28 anos, pode acertar com o Maranhão para a disputa da Copa União. O acerto do jogador ainda depende do aval do técnico Meinha, que observará o jogador a partir dos treinos desta sexta-feira.

Maranhense do município de São Domingos, Jonatas Torres passou pela base do Barcelona, por três temporadas, entre 1999 e 2002. Neste período na base, atuou ao lado do goleiro Valdes, do zagueiro Puyol e dos meias Iniesta e Xavi, que são os pilares da atual geração catalã, uma das mais vitoriosas do clube.

Ao sair do Barcelona, Torres passou por outros clubes europeus, entre os quais Verona e COMO, ambos da Itália. Em 2004 foi vice-campeão carioca com o Madureira e após isso retornou à Europa, onde defendeu os clubes portugueses Feirense e Penafiel. Ainda entre os clubes que defendeu, estão as equipes do Londrina, Rio Branco-PR e Anapolina.

Apesar de depender do aval de Meinha, Torres já está acertado com o Maranhão. Com o meio-campo carente, o meia de 28 anos, facilmente deve ser aprovado pelo treinador.

Meia Elton reforça o ASA na Série B

Elton defendeu o Imperatriz
O meia Elton, que era um dos possíveis reforços para o Maranhão, acertou com o ASA para a disputa da Série B. O jogador de 25 anos se destacou pela boa passagem no Imperatriz e Santa Quitéria, antes de ir para o clube alagoano.

No Maranhão, Elton ganhou destaque pela passagem no Imperatriz, em 2011, quando marcou três gols pela Copa União. Em 2012, pelo Santa Quitéria, atuou em 18 jogos do time e marcou cinco gols.

O jogador assinou contrato com o clube arapiraquense até novembro de 2013. Elton se destacou para o time do ASA, nos dois confrontos da Copa do Brasil, contra o Santa Quitéria.

Na equipe alagoana, Elton encontrará dois maranhenses. Os atacantes Lúcio Maranhão, que tem 36 gols na temporada, e Alex Maranhão, que defendeu a Ponte Preta no início do ano, e hoje formam a dupla de ataque do ASA.

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Moto perde no dia do aniversário, Sabiá entra no G4 e Imperatriz confirma favoritismo

Sem o Sampaio, a Copa União teve mais uma rodada realizada nesta quinta-feira. Uma rodada praticamente decisiva, já que em campo entraram as seis equipes que brigam pela segunda vaga maranhense na Copa do Brasil de 2013.

No primeiro jogo do dia, o Moto, que completa 75 anos, perdeu para o Cordino. Com direito a Carlinhos Silva desperdiçar um pênalti, os rubro-negros saíram na frente com Robson, mas Casagrande e Valtinho marcaram os gols da virada da equipe de Barra do Corda.

Em Caxias, o Sabiá conseguiu um grande resultado contra o São José. Com dois gols de Wanderson e um de Romário, estreante da noite, o time caxiense fez 3 a 1 no São José, que descontou com gol de Wanderley.

Em São Luís, o jogo envolvendo duas equipes favoritas ao título da Copa União. Imperatriz e Maranhão fizeram uma partida razoável, com a estreia de Meinha no comando da equipe atleticana.

Mas apesar de jogar fora de casa, o Imperatriz manteve o aproveitamento de 100%, vencendo o MAC por 3 a 1. Leandro marcou contra, mas Ideilson, de falta deixou tudo igual. Ainda no primeiro tempo, William fez de cabeça e colocou o Imperatriz novamente em vantagem. Na etapa final, Café se livrou de três marcadores e fez o terceiro do Cavalo de Aço, selando a vitória no Nhozinho Santos.

Confira a classificação da Copa União
1º Imperatriz – 18pts
2º Cordino – 15pts
3º Sabiá – 13pts
4º São José – 12pts
5º Maranhão – 11pts
6º Moto – 10pts
7º Sampaio – 6pts

Sampaio 4x1 Vilhena: a vitória da tranquilidade

Sampaio vai encarar o Mixto agora
Reinauguração do Castelão, 40 mil torcedores e lotação máxima. Cenário perfeito para uma vitória do Sampaio e avançar de fase. E foi assim, vitória maranhense, mas com susto no primeiro tempo, e vaga nas quartas de final da Série D, agora a dois jogos do acesso para a Série C.

No primeiro tempo, o Sampaio pressionou, errou cruzamentos e perdeu chances. O Vilhena, em um contra ataque, armado com um tiro de meta, aproveitou o vacilo da zaga maranhense e Cabixi, marcou o dele. Silêncio no Castelão por alguns segundos, mas a torcida despertou novamente para empurrar o time. Novamente, pressão e chances perdidas. Mas não podemos tirar os méritos do goleiro Dida, que fez boas defesas durante a etapa incial.

No segundo tempo, o Sampaio voltou e manteve a pressão, que dessa vez deu resultado. Cleitinho e Pimentinha, em cinco minutos fizeram o que a equipe não havia conseguido em 45. O 2 a 1 era suficiente para a classificação, mas o resultado era perigoso, já que se o Vilhena fizesse um gol, levaria a decisão para os pênaltis.

Novamente houve pressão, mas foram 30 minutos de sofrimento. Novamente, chances desperdiçadas, defesas de Dida e contra ataques do Vilhena, mas que dessa vez não resultaram em gols. E aí o Sampaio foi decidir o jogo. Pimentinha, com um golaço no ângulo, e Zé Paulo com um drible desconcertante no zagueiro, antes de mandar para o fundo da rede. Sampaio 4 x 1 Vilhena. Quando o time teve calma, resolveu.

Destaques: Pimentinha, como Pedro Venâncio descreveu, um Madson sem direção hidráulica e vidro elétrico, foi decisivo para o Sampaio. Com dois gols é o artilheiro do time na Série D, ao lado de Célio Codó com quatro gols marcados. Quem também se destacou foi o goleiro Dida, que fez boas defesas e evitou uma goleada maior.

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Sampaio x Vilhena: para ficar mais perto do acesso

No primeiro jogo empate em 2 a 2 em Vilhena e os maranhenses agora jogam por um empate em até 1 a 1 par se classificar nos 90 minutos. Os rondonienses precisam vencer ou qualquer empate a partir de 3 a 3. Quem passar ficará a dois jogos do sonhado acesso para a Série C.

No primeiro jogo, Célio Codó abusou de perder gols e, talvez até por isso, o Sampaio não venceu em Rondônia. O atacante recebeu o terceiro cartão amarelo e está fora. Com isso o ataque está indefinido.

Zé Paulo e Pimentinha brigam pela vaga de apoio, o tradicional segundo atacante. Na frente, Wescley pode reestrear pelo Tricolor, mas ainda tem a concorrência de Junior Chicão para saber quem vai ao jogo.

No Vilhena, sem desfalques, o time Eder Taques tenta controlar os ânimos do time, que passou por uma semana com direito a discussão nos treinos. Os principais jogadores da equipe, Cabixi e Edilsinho, artilheiro do time com seis gols, vão para o jogo na esperança de conquistarem um feito inédito para o futebol rondoniense.

Os números favorecem o Sampaio, que não perdeu nenhum jogo em São Luís e não sofreu nenhum gol em casa na Série D. O Vilhena, como visitante venceu apenas um jogo e perdeu os outros três, mostrando que fora de casa o Lobo vira presa, mas nem sempre fácil de ser abatida.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Rayllan: artilheiro e líder de assistências na Copa União

Rayllan: quatro gols e três assistências
De volta ao Imperatriz, Rayllan se firmou de vez no Cavalo de Aço. Após a estreia diante do São José, em que foi substituído no primeiro tempo, o baixinho encontrou o caminho dos gols e também virou o garçom do time, deixando os companheiros no ponto de mandar a bola para o fundo do gol.

Contra o São José, Rayllan deu apenas uma assistência e irritou o técnico Vinícius Saldanha ao abusar da individualidade. Foi substituído no segundo tempo e parece que aprendeu a lição. Depois deste jogo, o baixinho marcou quatro gols e deu duas assistências, ajudando o Cavalo de Aço em duas goleadas.

Diante do Cordino, o atacante foi responsável por três gols do Imperatriz, na goleada por 5 a 1. Já contra o Moto, na última quinta-feira, além de fazer gols, deixou os companheiros livres para balançarem as redes.

Rayllan marcou o primeiro gol da goleada por 5 a 1 e deu os passes para Rômulo e Pedro Bambu marcarem seus gols. Feitos que levaram o atacante à marca de quatro gols e três assistências, em três jogos.

Artilheiro da Copa União, ao lado de Carlinhos Silva, Rayllan é uma das principais apostas do Imperatriz para ficar com o título da competição. Além disso, o atacante é o principal assistente da competição, com três passes.

O Imperatriz por sinal tem o maior número de assistências e o melhor ataque da competição. Já são 13 gols marcados pelo Cavalo de Aço, com oito destes surgindo a partir de assistências dos jogadores.

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Imperatriz goleia o Moto; São José vence e entra no G4

Após perder de virada para o São José, o Moto visitou o Imperatriz e foi massacrado pelo Cavalo de Aço. Sem dar chances para os rubro-negros, o alvirrubro goleou por 5 a 1, se afirmando ainda mais na liderança da Copa União.

Rayllan, William e Rômulo, marcaram para o Imperatriz ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Pedro Bambu fez o quarto, Carlinhos Silva ainda descontou para o Moto, mas Gleisson, com um gol olímpico garantiu a goleada do Cavalo de Aço.

No outro jogo da noite, o São José venceu o Cordino por 2 a 1. Ricardo e Wanderley marcaram para o Peixe, enquanto Ulisses descontou para o time de Barra do Corda.

Confira a classificação da Copa União
1º Imperatriz – 15pts
2º Cordino – 12pts
3º São José – 12pts
4º Maranhão – 11pts
5º Moto – 10 pts
6º Sabiá – 10pts
7º Sampaio – 6pts

Confira a artilharia da Copa União
Carlinhos Silva (Moto) e Rayllan (Imperatriz) – 4 gols
Ulisses (Cordino) – 3 gols

CBF divulga tabela das três últimas fases da Série D

Faltando a definição apenas do último classificado para as quartas de final da Série D, a CBF divulgou nesta segunda-feira a tabela da próxima fase da competição. Os jogos decisivos para o acesso à Série C começarão a partir do próximo sábado.

O primeiro jogo das quartas de final será entre Baraúnas e Campinense, no próximo sábado, às 15h. As outras três partidas de ida serão realizadas apenas no domingo, com Crac e Friburguense jogando às 16h, Mogi Mirim e Cianorte às 17h e o Mixto encarando o Sampaio ou Vilhena, às 19h.

Os jogos de volta serão realizados somente no dia 23. Vale lembrar que as equipes classificadas para as semifinais garantem o acesso para a Série C 2013.

As semifinais serão realizadas nos dias 30 de setembro e 7 de outubro. A grande final da Série D será disputada nos dias 14 e 21 de outubro. As equipes com melhor campanha na classificação geral garantem a vantagem de realizar os jogos de volta em casa.

Sampaio e Vilhena, definirão a última vaga nas quartas de final na próxima quarta-feira, na reinauguração do Castelão. O classificado deste confronto encara o Mixto, no próximo domingo.

Jogos de ida
15/09 – Campinense x Baraúnas – 20h
16/09 – Crac x Friburguense – 16h
16/09 – Mogi Mirim x Cianorte – 17h
16/09 – Mixto x Sampaio/Vilhena – 19h

Jogos de volta
23/09 – Baraúnas x Campinense – 17h
23/09 – Friburguense x Crac – 15h
23/09 – Cianorte x Mogi Mirim – 15h30
23/09 – Sampaio/Vilhena x Mixto

No Moto, Kleber Pereira registra uma das piores marcas da carreira

Kleber Pereira: um ano no Moto e apenas 11 gols
Com fama de artilheiro por onde passa, as últimas temporadas do atacante Kleber Pereira mostram que a aposentadoria bate a porta, se é que ela já não chegou. Depois de deixar o Santos, o atacante maranhense, hoje com 37 anos, de fato, nunca mais foi o mesmo.

Artilheiro do Brasileirão de 2004, o Incendiário no Atlético-PR, com 124 gols pela equipe paranaense, além de ser uma das referências na área do Santos, com 87 gols pela equipe paulista, Kleber não consegue mais chegar perto destes números. Grandes feitos, que agora servem apenas para serem recordados pelas gerações futuras.

Apesar dos bons números, títulos e conquistas, Kleber Pereira, que nunca mais deu as caras no Moto, fez no rubro-negro, uma de suas piores temporadas. O jogo de seu retorno foi no dia 29 de agosto de 2011, estreia com gol. Mas marcou apenas cinco gols na competição, ainda assim, sendo artilheiro do time rubro-negro, que também contava com Abuda, que sequer balançou as redes.

Em 2012, promessas de dias melhores para o Moto e Kleber Pereira. Mas foram apenas seis gols marcados pelo atacante da camisa 23, que protagonizou o segundo rebaixamento da história do rubro-negro.

A última vez em que o atacante de 37 anos esteve em campo foi no dia 8 de maio, no fatídico Superclássico entre Sampaio e Moto, que terminou com vitória por 3 a 2 dos Tricolores. Fatídico porque Kleber foi um dos responsáveis pelo cai-cai rubro-negro, que obrigou o término da partida aos 30 minutos do segundo tempo.

Desde então, Kleber não entrou mais em campo. Além disso, sumiu do Moto. A segunda “era Kleber Pereira” parece ter chegado ao fim. E com Kleber marcando apenas 11 gols.

domingo, 9 de setembro de 2012

Mixto elimina o Remo e espera Sampaio ou Vilhena

Depois de vencer o primeiro jogo por 2 a 0, no Mato Grosso, o Mixto visitou o Remo no Mangueirão e perdeu por 2 a 1. Por causa do gol marcado fora de casa, os alvinegros garantiram a vaga nas quartas de final e agora esperam o classificado do confronto entre Sampaio e Vilhena.

O Remo marcou o primeiro gol logo aos três minutos de jogo, com Raphael Andrade. No segundo tempo, Ratinho fez o segundo dos paraenses, o que levava a decisão para os pênaltis. Entretanto, aos 34, Nonato cruzou para Igor que fez o gol da classificação do Mixto para as quartas de final.

Independentemente do classificado entre Sampaio e Vilhena, o primeiro jogo das quartas de final será em Cuiabá, no próximo dominigo. Maranhenses e rondonienses decidem o último classificado para as oitavas de final na próxima quarta-feira.
Nos outros jogos das oitavas de final, o Friburguense eliminou o Ceilândia, vencendo em Nova Friburgo e vai encarar o Crac, que venceu o Nacional-MG por 1 a 0. O Cianorte, que venceu o Juventude por 3 a 0 e eliminou os gaúchos, encara o Mogi Mirim, que passou pelo Metropolitano, vencendo por 2 a 1.

O CSA empatou sem gols com o Campinense, que venceu o primeiro jogo por 2 a 1, e ficou com a classificação. Os paraibanos encaram o Baraúnas, que venceu o Sousa por 2 a 0.

Confira os jogos das quartas de final
Mixto x Sampaio/Vilhena
Crac x Friburguense
Mogi Mirim x Cianorte
Campinense x Baraúnas

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Moto deixa prejuízo em Caxias

A estreia do Moto na Copa União foi até com um bom resultado fora de casa. No dia 16 de agosto, vitória por 3 a 0 sobre o Sabiá, na cidade de Caxias. O resultado até deu ares de tranquilidade para o rubro-negro, que vive em crise há muito tempo e em 2012 já deve seis meses de salários.

Mas apesar do bom resultado para o rubro-negro, o time deixou lembranças nada agradáveis na cidade de Caxias. O Hotel Eldorado que o diga. A delegação do Moto deixou um prejuízo de R$ 1.800 para o estabelecimento.

De acordo com as informações, a presidente do Moto, Vera Baldez foi atrás de ajuda para custear a estadia do time na cidade. Conseguiu um acordo com políticos locais, para que as despesas de alimentação do clube.

Entretanto, quando deixava o hotel caxiense, a diretoria do Moto informou que todas as despesas seriam pagas pelo acordo. Entretanto, na hora em que os representantes do município chegaram ao hotel para quitar a dívida, informaram o real acordo, que seria somente o pagamento da alimentação, como foi feito.

Dessa forma, um débito de R$ 1.800 ficou em aberto no hotel, que sempre recebe as delegações dos times em Caxias. Os proprietários do estabelecimento foram os responsáveis pelo acordo e já recorreram até à FMF para que a dívida fosse quitada. Entretanto, até o momento ainda estão de mãos abanando.

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Edgar tentou nova liminar para permanecer no Sampaio

Enquanto aguarda o julgamento de seu agravo regimental dentro do processo contra o Maranhão, o atacante Edgar tentou uma segunda liminar para permanecer no Sampaio. Recorrendo ao desembargador, James Magno Araújo, o mesmo que concedeu e revogou o direito do jogador assinar com qualquer outro clube, Edgar alegou que estava impedido de trabalhar.

Apesar da nova tentativa para uma liminar, Edgar teve o pedido negado, já que o desembargador havia cassado o mandado de segurança concedido e não enxergou razões para conceder uma nova liminar. Vale lembrar que já foi provado judicialmente que assinatura de Edgar no contrato, com início em 2009 e validade até 2014, é verídica e não falsa como acusou o jogador.

Apesar da derrota no pedido da liminar, a defesa do atacante ainda aguarda o julgamento do agravo regimental, já que o recurso não foi aceito. No agravo, a defesa do atleta, alega que o jogador não tem condições de arcar com os custos para dar sequência no recurso e com isso o atacante poderia prosseguir na briga judicial, sem arcar com os custos.

Entretanto, vale lembrar que o recurso de Edgar foi vetado, por causa de um erro administrativo. As despesas judiciais para que o recurso sobre a sentença da juíza Liliane de Lima foram pagos através de depósito judicial, enquanto que deveria ser pago através de GRU (Guia de Recolhimento Geral da União). Este erro foi determinante para que o recurso se tornasse inadmissível.

Enquanto a batalha judicial segue, o atacante já é considerado jogador do Maranhão, pois teve seu contrato reativado no BID da CBF até maio de 2014. Até o momento, o MAC recebeu apenas propostas de empresários, onde a maior foi de R$ 200mil, mas a diretoria atleticana aguarda pelo menos o dobro.

Pelo andar da carruagem, Edgar dificilmente volta a jogar esse ano. Aos 27, o atacante pode ter dado um fim precoce à sua carreira, quando começou a briga com o MAC, após estar acertada a sua ida para o Sampaio por R$ 300mil. Vale lembrar que Sampaio e Maranhão ainda não se reuniram oficialmente para discutir uma eventual nova negociação.

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Apenas dois times continuam invictos na Série D

Após a primeira rodada das oitavas de final, apenas duas equipes continuam invictas na Série D de 2012. Friburguense e Sampaio empataram seus jogos e ainda não perderam nos nove jogos disputados até aqui.

Mas antes das oitavas de final começarem, CSA e Cianorte também estavam invictos. Entretanto, os alagoanos perderam o primeiro jogo por 2 a 1 para o Campinense e agora dependem de uma vitória simples, sem sofrer gols em casa, para continuar com o sonho do acesso, enquanto que os paraibanos jogam por qualquer empate.

Já os paranaenses do Cianorte, perderam por 3 a 1 para o Juventude. A equipe gaúcha agora conta com a vantagem de poder perder por um gol de diferença, ou até dois, caso marque fora de casa, para chegar as quartas de final. Os paranaenses precisam vencer o jogo de volta por, no mínimo, 2 a 0 para reverter a situação.

O Friburguense, fora de casa empatou sem gols com o Ceilândia. O resultado foi melhor para os candangos, que agora jogam por qualquer vitória ou qualquer empate com gols para se classificarem. Já o Frizão precisará de uma vitória para seguir sonhando com a Série C.

O Sampaio arrancou um empate no minuto final com o Vilhena e como o jogo terminou empatado em 2 a 2, joga por um empate com um gol para cada lado, para avançar as quartas de final. Os rondonienses avançam somente se vencerem, ou conseguirem qualquer empate a partir de três gols.

Nos outros jogos da Série D, o Nacional-MG, apontado como um dos bons times da Série D, venceu o Crac por 2 a 1. Apesar da vitória, o gol do Leão faz com que a equipe precise de uma vitória simples em casa para se classificar, entretanto os mineiros jogam por um empate para avançar.

O Mogi Mirim perdeu em casa por 1 a 0 para o Metropolitano e agora precisa de qualquer triunfo fora de casa para avançar. Quem também venceu fora foi o Baraúnas, que superou o Sousa por 1 a 0. Fechando os resultados dos jogos de ida, o Mixto venceu o Remo por 2 a 0 e agora pode até perder na volta que se classifica para as quartas de final.

Cordino é o vice-líder da Copa União

No último domingo, o Cordino recebeu o Sabiá no Leandrão e se recuperou da goleada sofrida para o Imperatriz. O time de Barra do Corda venceu por 2 a 0, com gols de Casagrande e Ulisses.

Com o resultado o Cordino chegou aos 12 pontos e assumiu a vice-liderança da competição. O Sabiá, com 10 pontos, agora é o quinto colocado.

Nesta segunda-feira, o Moto encara o São José na esperança de voltar à posição mais alta na tabela. Os rubro-negros somam 10 pontos, enquanto o Peixe Pedra conta com seis pontos, na vice-lanterna da competição.

Confira a classificação da Copa União
1 - Imperatriz - 12pts (8)
2 - Cordino - 12pts (1)
3 - Maranhão - 11pts
4 - Moto - 10pts (5)
5 - Sabiá - 10pts (-2)
6 - Sampaio - 6pts (0)
7 - São José - 6pts (-2)

domingo, 2 de setembro de 2012

Sampaio arranca empate com o Vilhena

O Sampaio não conseguiu manter o aproveitamento perfeito diante do Vilhena no primeiro jogo das oitavas de final da Série D. Diante dos rondonienses, o Tricolor empatou em 2 a 2 e garantiu a vantagem de jogar por um novo empate para avançar às quartas de final.

O Vilhena manteve o tabu de não perder no Portal da Amazônia desde maio de 2011. Os gols saíram somente no segundo tempo, com o artilheiro rondoniense Edilsinho fazendo o primeiro, aos 11. Aos 34, Pimentinha empatou, mas dois minutos depois, Mário fez o segundo do Lobo. Mas aos 47, o mesmo Mário, marcou contra e garantiu o empate para o Sampaio.

Com o resultado, o Sampaio joga por um empate de até um gol para cada lado, para garantir a vaga nas quartas de final. Já o Vilhena terá que vencer o próximo jogo, no dia 12, ou empatar com pelo menos três gols para garantir a classificação. Caso o empate de 2 a 2 se repita, a decisão da vaga para as oitavas de final irá para os pênaltis.

No jogo que define o adversário da equipe classificada em São Luís, o Mixto venceu o Remo por 2 a 0, com dois gols de Nonato. Agora o alvinegro joga por qualquer empate fora de casa, enquanto que os paraenses terão que vencer por três gols de diferença, sem sofrer gols, para avançar na Série D.

Confira os resultados das oitavas de final da Série
Campinense 2x1 CSA
Sousa 0x1 Baraúnas
Vilhena 2x2 Sampaio
Mixto 2x0 Remo
Ceilândia 0x0 Friburguense
Nacional-MG 2x1 Crac
Juventude 3x1 Cianorte
Mogi Mirim 0x1 Metropolitano

Mudança no Maranhão: da retranca para o ataque

André Baratz deixa o MAC
Após cinco pontos conquistas em campo na Copa União, o Maranhão demite o técnico André Baratz e acerta com Meinha para assumir o time no restante da competição. Mudança esperando resultados melhores, mas para isso o elenco também tem que ser reforçado, pensando também em uma provável participação na Série D de 2013.

No Maranhão Baratz fez seu primeiro trabalho como treinador, levou o time ao vice-campeonato maranhense de 2012 e conquistou 37 pontos (10 vitórias, sete empates e 10 derrotas) em 81 possíveis. Rendimento de 45,6%.

O rendimento abaixo da metade dos pontos disputados mostra que o trabalho não foi tão eficiente, mas ao mesmo tempo, mostra a limitação do elenco atleticano. Baratz chegou como uma aposta, e pegou um time basicamente formado por jogadores das categorias de base para levar ao vice-campeonato maranhense.

Entretanto, o modo de jogar do time atleticano, sempre recuado, preocupava. Diante de adversários, teoricamente fáceis, o time mostrou algumas dificuldades. Em outras ocasiões, a aposta excessiva nos contra ataques deu certo.

Meinha é o novo técnico do MAC
Com o fim da era Baratz no MAC, e a chegada de Meinha, haverá uma mudança profunda no time. O modo de jogar. Meinha não gosta de jogar recuado, sempre arma seus times para ir ao ataque e é um dos apreciadores do 3-5-2, que pode variar até para um 3-4-3, entre outros.

Pelo Santa Quitéria, já chegou à colocar cinco atacantes em campo, todos, efetivamente executando a função de atacante. No MAC, precisará de reforços, mas não só pensando na Copa União. Com o acesso do Sampaio se tornando uma realidade, o time atleticano será o representante maranhense na Série D de 2013, e terá que entrar em campo ambicionando o acesso para a Série C, que é o único objetivo que há.

Enfim, uma mudança que começa no banco e mexerá, efetivamente, com o estilo de jogo do time. Agora é esperar para ver se haverá resultados.